Home
> Notícias > Governo dos Açores cria “Distinção PME Digital” para incentivar aposta das empresas na economia digital

Governo dos Açores cria “Distinção PME Digital” para incentivar aposta das empresas na economia digital

2017-06-29

O Vice-Presidente do Governo afirmou ontem, em Ponta Delgada, que “a economia digital é, cada vez mais, incontornável e imprescindível para a sustentabilidade” das empresas açorianas, pelo que, além dos apoios disponíveis no âmbito do Competir+ para investimento em novas tecnologias de informação e comunicação, o Executivo decidiu criar a ‘Distinção PME Digital’.

Sérgio Ávila, que falava na abertura do workshop ‘Economia Digital no Centro do Negócio’salientou que a medida “visa a atribuição de distinções em função da adoção de boas práticas no domínio do digital”, frisando que o Governo dos Açores pretende “incentivar e dar relevo às empresas que apostam nesta área e aos empresários que incorporem a visão de que o mundo é cada vez mais digital”.

A ‘Distinção PME Digital’, criada no âmbito do Projeto @PME e inserida na Agenda Açoriana para a Criação de Emprego e Competitividade Empresarial, visa, nesse sentido, aumentar o número de empresas açorianas no âmbito da economia digital.

O titular da pasta da Competitividade Empresarial salientou que, num “território arquipelágico como o dos Açores, afastado dos mercados, as tecnologias digitais permitem às empresas regionais inserirem-se em cadeias de valor globais”.

“O desafio que aqui lançamos é, no seu âmago, o de aumentarmos o número de empresas açorianas na economia digital”, afirmou Sérgio Ávila, manifestando confiança de que os empresários vão responder positivamente a mais este desafio.

“Muito do esforço hoje necessário para otimizarmos a produção e a promoção das vendas pode ser substancialmente reduzido através do recurso a estas novas ferramentas, com resultados substancialmente acrescidos”, frisou, acrescentando ainda que esta é uma “forma privilegiada de atrair mais clientes e de chegar a mais clientes”.

Na sua intervenção, Sérgio Ávila reafirmou que “importa consolidar” o crescimento económico, defendendo que, “sendo a mudança uma constante e as condições em que a atividade económica ocorre extremamente fluídas, importa encontrar as melhores soluções, e o digital oferece as melhores soluções”.

Fonte: Gacs